Saiba Mais sobre a Epilepsia, seus Sintomas e Tratamento

Canal no YouTube do Dr Daniel Azevedo
O Canal no YouTube do Dr Daniel Azevedo já está no ar!
22 de setembro de 2017
atencao
Conheça o Mecanismo da Atenção
11 de maio de 2018

Epilepsia é uma alteração temporária e reversível do funcionamento do cérebro, em que, durante alguns segundos ou minutos, esta região cerebral emite sinais incorretos, que podem ficar restritos a esse local ou espalhar-se.

Epilepsia

Algumas pessoas podem ter sintomas mais ou menos evidentes de epilepsia, não significando que o problema tenha menos importância se a crise for menos aparente.

Assista a este vídeo e saiba quando consideramos que um paciente apresenta epilepsia e mais informações sobre a doença.

A epilepsia trata-se de uma doença neurológica que incide principalmente sobre países em desenvolvimento, em relação aos residentes de países desenvolvidos.
A razão dessa irregularidade deve-se às más condições de assistência perinatal, infecções, traumas de trânsito ou de violência urbana nos países emergentes. Todas as situações citadas podem ser minimizadas pela população.
A epilepsia caracteriza-se pela ocorrência de descargas elétricas anormais e excessivas do cérebro, responsáveis por manifestações involuntárias dos pacientes, como a convulsão.

Março Roxo – Mês de Conscientização sobre a Epilepsia

O mês de março foi dedicado à conscientização sobre a epilepsia e as inúmeras dificuldades que estes pacientes enfrentam, principalmente pela falta de informação sobre a doença. O Dia Internacional da Epilepsia, também conhecido como Purple Day, é celebrado anualmente no dia 26 de março e busca consolidar mudanças, derrubar as barreiras de preconceito social e disseminar informações sobre esta antiga condição neurológica.

O tratamento da epilepsia geralmente é medicamentoso. Entretanto, não basta ingerir os medicamentos somente na ocasião das crises ou sem acompanhamento médico regular. O acompanhamento do paciente com o neurologista é fundamental na eficácia do tratamento e no controle do distúrbio neurológico.

O acompanhamento neurológico periódico permite que a dosagem dos medicamentos seja ajustada de acordo com as necessidades individuais e com a evolução do tratamento, e ainda que os fatores desencadeantes do aumento das crises epilépticas sejam identificados e tratados de maneira adequada, proporcionando ao paciente uma boa qualidade de vida.

Saiba Mais sobre a Epilepsia, seus Sintomas e Tratamento
5 (100%) 7 votos
Dr Daniel Azevedo

Dr Daniel Azevedo

Neurologista membro titular da Academia Brasileira de Neurologia e pós-graduando do Departamento de Neurologia da Faculdade de Medicina Universidade de São Paulo, no Laboratório de Neurossonologia do Hospital das Clínicas. Possui título de especialista em neurossonologia concedido pela World Federation of Neurology e pela Academia Brasileira de Neurologia. Atua principalmente nos seguintes temas: doenças cerebrovasculares, hemodinâmica encefálica e neurointensivismo
Dr Daniel Azevedo

Últimos posts por Dr Daniel Azevedo (exibir todos)