fbpx

Como Praticar Mindfulness Ajuda no TDAH

Como Lidar com o TDAH
Saiba Como Lidar com o TDAH
13 de setembro de 2019
TDAH no Mercado de Trabalho
TDAH no Mercado de Trabalho – Aprenda a Ter uma Vida Profissional Satisfatória
11 de outubro de 2019
Mostrar Todos

Como Praticar Mindfulness Ajuda no TDAH

Como Praticar Mindfulness Ajuda no TDAH

Mindfulness Ajuda no TDAH. Caso você não tenha ouvida falar, o MindFulness (traduzido literalmente como Atenção Plena) é uma prática que tem como objetivo a atenção, principalmente para ajudar a manter o foco no momento presente, diminuindo a distração. Além disso, a prática treina habilidades relacionadas a autocompaixão – amor próprio – a vivências desafiadoras.

Pesquisas recentes sobre essa prática tem descoberto os benefícios que ela pode trazer para os pacientes com TDAH. Para saber mais sobre isso, continue lendo este artigo.

Mindfulness Ajuda no TDAH

Mindfulness – Saiba Mais

A prática Mindfulness tem origens e inspirações nas religiões do Oriente. Além dessas, também tem origens na metodologia das psicoterapias contextuais e da Cognição Social. Pesquisadores da prática, no entanto, não apresentam-a com exclusividade para aqueles que seguem contextos religiosos.

O método é majoritariamente aplicado para qualquer um que decida praticar, independe de cultura, religião ou crenças pessoais e tem como foco as pessoas que sofrem com estresse. O mindfulness ensina seus praticamente a monitorarem os sentimentos e pensamentos que rondam suas cabeças, treinando filtrar julgamentos e críticas. E caso se distraiam do foco acontecendo na prática, são instruídos a renovar a concentração assim que perceberem, e gradativamente voltar ao foco determinado. Esse procedimento fortalece o circuito dos neurônios, o que auxilia a permanência no foco de escolha.

Mindfulness e TDAH

Os principais sintomas da síndrome do TDAH envolvem a dificuldade de manter o foco. Existem diversas teorias sobre a causa para essa dificuldade. Uma delas envolve a descoberta de Alterações na Substância Negra, região cerebral produtora das células de dopamina – o neurotransmissor que, além de outras funções, pode interferir no foco e atenção. O intuito da prática de Mindfulness é exatamente tratar esse sintomas, ensinando estratégias para retomar o foco quando é percebido que ele foi perdido.

Segundo estudos realizados sobre o relacionamento entre ambas as práticas, o Mindfulness consegue atribuir benefícios para pessoas com TDAH a partir da diminuição da ativação das amígdalas, resultando assim num melhor funcionamento do córtex pré-frontal que tem em sua responsabilidade a habilidade de fiscalizar a área de atenção no cérebro. O mindfulness se provou mais efetivo ainda quando combinado a terapia cognitivo-comportamental. Ademais, a técnica também apresentou-se efetiva no aprimoramento das habilidades como:

  • Controle de atenção;
  • Aprimoramento de capacidades das funções executivas, exemplos:
    • Memória;
    • Flexibiliza as áreas cerebrais que mantém a atenção;
    • Controle Cognitivo;
    • Diminuição de erros ligados à impulsividade;
    • A prática auxilia os pacientes a serem mais cuidadosos com si mesmos, treinando amenizar auto-críticas excessivas e negativas ao extremo, principalmente considerando erros e distrações pessoais.

Porque o Mindfulness Deveria ser Introduzido no Tratamento de TDAH

Muitos estudos e tratamentos são frutos de pesquisas realizadas nos Estados Unidos, e quando aprovadas, são levadas a outros países de forma gradativa. Em 2007, foi realizado um estudo comparativo entre os países Estados Unidos e Finlândia, o tema abordado na pesquisa era a incidência de TDAH (e seus principais sintomas cognitivos e subjacentemente os consequentes emocionais).

Os resultados apontaram que o índice de ocorrência eram quase iguais, mas os tratamentos estadunidenses se baseiam muito mais a terapias medicamentosas do que a Finlândia, fator que aumenta risco de desenvolver dependência, além dos efeitos colaterais do uso contínuo de remédios receitados podem trazer.

Tratamentos mais naturais não substituem as terapias de fármacos, mas pode significar o uma menor dose. Nosso artigo: “Saiba Como Lidar com o TDAH” demonstra mais algumas orientações de formas comportamentais que podem ajudar no tratamento do transtorno. Além disso, não existem benefícios a longo prazo ou duradouros de medicamentos para tratar o TDAH. Já a prática Mindfulness treina o cérebro gradativamente, buscando soluções que podem ser duradouras.

Referência: Cognitive and behavioral practice

Dr Daniel Azevedo

Dr Daniel Azevedo em Neurologista SP
Neurologista membro titular da Academia Brasileira de Neurologia e pós-graduando do Departamento de Neurologia da Faculdade de Medicina Universidade de São Paulo, no Laboratório de Neurossonologia do Hospital das Clínicas. Possui título de especialista em neurossonologia concedido pela World Federation of Neurology e pela Academia Brasileira de Neurologia. Atua principalmente nos seguintes temas: doenças cerebrovasculares, hemodinâmica encefálica e neurointensivismo
Dr Daniel Azevedo

Últimos posts por Dr Daniel Azevedo (exibir todos)

Compartilhe