Exame de Doppler Transcraniano

Analisar o fluxo sanguíneo das grandes artérias do cérebro: este é o objetivo do Exame de Doppler Transcraniano (DTC). Este específico exame de ultrassonografia é um importante aliado no diagnóstico de doenças neurológicas, cerebrais e cardíacas.

Ele está disponível e o Dr Daniel Azevedo o realiza na Clínica Regenerati tanto para os seus pacientes, quanto para aqueles pacientes indicados por outros profissionais da área médica.

O DTC (Doppler Transcraniano) é utilizado para avaliar doenças vasculares cerebrais, vasoespasmo após hemorragia subaracnoidea, estenoses ou oclusões intracranianas, assim como na investigação shunt direita-esquerda, ao ser realizado com microbolhas.

O exame de Doppler Transcraniano é indolor, não requer sedação e não há risco de exposição à radiação. Estas características possibilitam a repetição do procedimento, se necessário.

Como o Doppler Transcraniano é Realizado

Este exame é, na realidade, uma ultrassonografia do cérebro. Portanto, não há necessidade de preparo ou jejum.

O paciente pode estar deitado na maca ou sentado, mesmo na cadeira de rodas, pois o aparelho é portátil.
Assim, o exame também pode ser realizado à beira do leito do paciente.

Algumas das recomendações para a realização do exame incluem:

  • Retirar óculos ou
  • Lentes de Contato e
  • Aparelhos de Surdez.

Além disso, é necessário estar alimentado e também Prender os Cabelos.

Gestantes também podem realizar o exame, sem oferecer riscos ou problemas à gestação e ao bebê.

Indicações do Doppler Transcraniano

Este exame é utilizado para avaliar a circulação sanguínea intracraniana em diversas situações clínicas.

Alguns exemplos são:

O exame também é capaz de avaliar as condições da substância negra, podendo indicar a degeneração desta região cerebral:

um indício da presença da Doença de Parkinson.

Exame de Doppler Transcaniano

Entre em contato para agendar a realização do seu exame.
Referencias Internacionais
Compartilhe