ultrassom transcraniano
Doppler Transcraniano – Você Conhece este Exame?
2 de maio de 2017
anemia falciforme
Anemia Falciforme e Risco de AVC
1 de junho de 2017
Mostrar Todos

Saiba Mais Sobre a Doença Hipertensiva da Gravidez

A pré-eclâmpsia, ou Doença hipertensiva da gravidez, é uma doença grave relacionada ao aumento da pressão arterial. Ela pode se instalar rapidamente, com qualquer gestante durante a segunda metade da gestação ou até seis meses após o parto.

Todos os anos, quase 76 mil mães e 500 mil bebês no mundo perdem suas vidas por causa da pré-eclâmpsia, segundo organizações de saúde.

Identificando os sintomas da Doença hipertensiva da gravidez

É muito importante identificar os sintomas principais da doença. Entre eles, estão: dor de cabeça forte que não desaparece com medicação, inchaço no rosto e nas mãos, ganho de 1kg ou mais por semana.

Dificuldade para respirar, náuseas ou vômitos após os três primeiros meses da gestação, alterações na visão, dor no abdome e na região esquerda perto do estomago também podem acontecer.

Aplicação do Doppler Transcraniano no diagnóstico da pré-eclâmpsia

A hipertensão arterial causa diversas complicações hemodinâmicas durante o período gestacional. E estas complicações afetam todos os órgãos e tecidos maternos, inclusive o sistema nervoso central.
O Doppler transcraniano é uma das técnicas não invasivas fundamentais para diagnosticar a Doença hipertensiva da gravidez. Isto porque é um desafio ter acesso à circulação cerebral de uma gestante, já que o uso de contraste e radiação não são indicados neste período. E esses recursos são necessários em exames de imagens como a angioressonância e angiografia.
Com a realização do ultrassom transcraniano, é possível fazer uma estimativa do risco de pré-eclâmpsia e eclâmpsia, para estudar as possíveis alterações da hemodinâmica encefálica nesta paciente, sem prejudicar a sua saúde e a do seu bebê.

Saiba Mais Sobre a Doença Hipertensiva da Gravidez
Vote
Dr Daniel Azevedo

Dr Daniel Azevedo

Neurologista membro titular da Academia Brasileira de Neurologia e pós-graduando do Departamento de Neurologia da Faculdade de Medicina Universidade de São Paulo, no Laboratório de Neurossonologia do Hospital das Clínicas. Possui título de especialista em neurossonologia concedido pela World Federation of Neurology e pela Academia Brasileira de Neurologia. Atua principalmente nos seguintes temas: doenças cerebrovasculares, hemodinâmica encefálica e neurointensivismo
Dr Daniel Azevedo